AconsegRJ_BannerG_970x150.jpg

Novas tecnologias são aliadas dos corretores de seguros


O vice-presidente de Estratégia Digital, Inovação e Tecnologia da SulAmérica, Cristiano Barbieri, vê com otimismo a chegada de novas tecnologias ao mercado de seguros. Para o executivo, a transformação digital no setor já é uma realidade e ferramentas inovadoras serão cada vez mais aliadas do corretor de seguros.


Em entrevista exclusiva ao CQCS, o executivo da SulAmérica destaca que o momento é de amadurecimento das estratégias de utilização das tecnologias disponíveis para entregar o que há de mais inovador e personalizado aos clientes. “Estamos estudando, por meio de projetos pilotos idealizados em nossa garagem de inovação, diversas soluções para facilitar o cotidiano de clientes e corretores e garantir cada vez mais assertividade e valor aos nossos produtos”, revela.


De acordo com Barbieri, a seguradora apoia o uso da tecnologia nas vendas de seguros pelos corretores parceiros e desenvolveu plataformas digitais para facilitar esse trabalho, como o Portal do Corretor, o De Olho Nos Seus Negócios, o Cotador Online e o Cap Online.

“Essas ferramentas permitem agilizar a rotina do corretor, com funcionalidades para geração de propostas dos produtos, validação e emissão 100% digital, consulta à rede de prestadores, acompanhamento de demonstrativos diários de pagamento, entre outros serviços. Há também funções para auxiliar o corretor no pós-venda e na otimização do gerenciamento de trabalho”, afirma.


O vice-presidente de Estratégia Digital, Inovação e Tecnologia da SulAmérica reforça que a companhia acredita que o corretor tem um papel primordial de atuar como um consultor do cliente na escolha das soluções de proteção mais adequadas a ele. “Independentemente da plataforma em que se dá a negociação, o corretor é o profissional qualificado para conduzir o processo. As tecnologias facilitam e modernizam o relacionamento entre corretores e clientes, além de gerar oportunidades de novos produtos e serviços”, analisa.

Barbieri enxerga nos wearables enorme potencial para tornar produtos e serviços do mercado de seguros ainda mais personalizados, modernos e eficazes. No segmento de seguro para automóveis, ele lembra que a SulAmérica já começa a atuar nessa frente por meio do aplicativo Auto.VC, que utiliza a telemetria para ajudar os clientes a dirigir de forma mais responsável e consciente, recompensando boas práticas de direção com desconto no seguro. Nesse caso, o device é baixado no smartphone, sem necessidade de instalação de equipamento no veículo.


“A tendência é de que os wearables sejam aplicados também em segmentos como o de saúde, auxiliando na identificação de condições de saúde dos segurados. Prevenção será a palavra de ordem. Por meio de gadgets como medidores, relógios, pulseiras e aplicativos, será possível monitorar a saúde do paciente, oferecer dicas personalizadas e incentivar a participação em programas específicos de prevenção”, ressalta.


“Já no segmento de seguro residencial, essa tecnologia poderá, em um futuro próximo, contribuir para a rápida identificação de incidentes, por meio de sensores de incêndio e vazamentos de gás, por exemplo. A SulAmérica já está atenta a essas tendências e desenvolvendo serviços tecnológicos para oferecer a melhor experiência para clientes, corretores, prestadores e demais públicos”, ressalta.


Na opinião do executivo, os produtos já existentes evoluirão para uma maior personalização, à medida que houver mais insumos para compreender o comportamento do cliente. “Mais do que nunca, teremos que ouvi-los, assim como os corretores. A prevenção também terá grande destaque, já que será possível monitorar, acompanhar e identificar situações de risco de forma eficaz por meio da tecnologia. Nesse cenário, novos produtos podem surgir. Afinal, existem novas necessidades criadas pela hiperconectividade”, conclui.


Mapa do Site

Facebook

Notícias

Acompanhe nossa página no Facebook!

ACONSEG-RJ - Associação das Empresas de Assessoria e Consultoria de Seguros do Rio de Janeiro

Rua do Rosário, 61 | sala 202/203 | Centro, Rio de Janeiro, RJ | Cep: 20041-003

Desenvolvido por: